Inscreva-se


Curso Odontologia

Programa avaliado com nota 5 pela Capes/MEC

  • Grupos certificados de pesquisa;
  • Patentes desenvolvidas por pesquisadores próprios;
  • Integrado a pools e programas de pesquisas nacionais;
  • Bolsas dos principais órgãos de fomento como CNPq, Capes, Fapesp, Finep, entre outros.

A implantação do programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Odontologia foi possível graças à política de incentivo à pesquisa que a Universidade adota investindo em infraestrutura e recursos humanos. A maior parte das linhas de pesquisa da Unaerp está integrada a programas abrangentes que envolvem docentes pesquisadores de várias áreas, alunos de graduação e pós-graduação, laboratórios da própria Universidade e de outras instituições.

Processo de Seleção



A inscrição pode ser efetuada via internet ou pessoalmente na Divisão de Pós-Graduação da Unaerp.

     


Documentos para Inscrição

  • Certificado de Conclusão de Curso Superior - fotocópia frente e verso (ou declaração da situação de concluinte do curso de graduação);
  • Certificado de Conclusão de Mestrado (para o doutorado);
  • Histórico Escolar do último nível cursado;
  • Fotocópia da Cédula de Identidade e do CPF;
  • Certidão de Nascimento/Casamento;
  • Curriculum vitae documentado (Currículo Lattes ou elaborado segundo o modelo a seguir*);
  • 1 Foto 3x4;
  • Projeto de Pesquisa (para o doutorado) - pode ser entregue durante a seleção.
  • Valor da taxa de inscrição Mestrado: R$ 60,00
  • Valor da taxa de inscrição Doutorado: R$ 80,00
Obs.: as cópias não precisam ser autenticadas.

O processo seletivo constará de duas fases:

Mestrado
FASE: Prova de Conhecimento Específico.
FASE: Entrevista e Análise de Curriculum vitae.

Em caso de empate entre candidatos, será utilizada a nota da prova de conhecimento específico para o desempate.

Doutorado
FASE: Entrevista e Análise de Curriculum vitae. 
FASE: Análise do Projeto de Pesquisa.

Modelo de Curriculum vitae* (caso não tenha o Currículo Lattes)
I. Identificação
II. Titulação
III. Cursos assistidos, simpósios, congressos, reuniões científicas, etc (apenas aqueles relacionados com a área de opção no programa)
IV. Cursos ministrados
V. Estágios realizados (local, data, orientador e carga horária)
VI.Iniciação científica (Título do trabalho (projeto), Orientador, Bolsa
(especificando órgão de fomento e número do processo), Produção científica decorrente da bolsa
VII. Publicações a) Artigo científico publicado em periódicos, b) Resumos em anais ou similar internacional, c) Resumos em anais ou similar nacional
VIII. Experiências profissionais
(*) O Curriculum vitae deve ser documentado com cópia dos comprovantes das atividades relacionadas.

Inscrições
Na inscrição via internet os interessados deverão preencher todos os dados contidos no formulário de inscrição online e o mesmo deverá ser impresso, assinado e enviado via correio juntamente com a documentação solicitada no edital e obedecendo o prazo estipulado para a entrega dos mesmos. Ressalta-se que no momento da realização da inscrição será gerado o boleto para pagamento e somente haverá confirmação da mesma após o pagamento da taxa. A inscrição também pode ser efetuada pessoalmente na Divisão de Pós-Graduação da Unaerp (Sala nº 9 - Bloco A).

Endereço para Correspondência:


Universidade de Ribeirão Preto - Unaerp
Divisão de Pós-Graduação - A/C Marcela Berti
Av. Costábile Romano, 2201 - Ribeirânia
14096-900 - Ribeirão Preto - SP
 
Contato da Coordenação:
Profa. Dra Yara T Corrêa Silva Sousa - (16) 3603-6717 / ysousa@unaerp.br
Secretaria: (16) 3603-6774/7010 - mberti@unaerp.br

Corpo Docente



LINHA DO TEMPO
Coordenação 1999 - 2007
Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto
Coordenação 2007 - Atual
Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa


Corpo Docente


Comissão Central de Pós-Graduação:

  • Profa. Dra. Neide Aparecida de Souza Lehfeld (Coordenação de Pesquisa e Pós-Graduação/Presidente)
  • Profa. Dra. Suzelei de Castro França (Coordenadora do Programa de Mestrado/Doutorado em Biotecnologia)
  • Profa. Dra. Yara T. Silva Sousa (Coordenadora do Programa de Mestrado/Doutorado em Odontologia)
  • Prof. Dr. Sebastião Sérgio da Silveira (Coordenador do Programa de Mestrado em Direito)
  • Profa. Dra. Luciana R. A. Rezende (Coordenadora do programa de Mestrado/Doutorado em Tecnologia Ambiental)
  • Profa. Dra. Maria Cristina Vidotte Blanco Tárrega (representante área de Humanas)
  • Profa. Dra. Cristina F. Pereira R. Paschoalato (representante área Exatas)
  • Profa. Sonia Maria Camargo dos Santos (Coordenação Lato Sensu)
  • Sandra Regina Costa Fantinato (Representante discente da área de Exatas)
  • Marco Aurélio Pierri Zanferino (Representante discente da área de Humanas)

Disciplinas



MESTRADO
Endodontia Pré-Clínica
O pós-graduando deve aprender a fazer e estar bem familiarizado com os novos procedimentos da Endodontia na fase pré-clínica para que possa estabelecer sólida base nesta área do conhecimento, os alunos desenvolverão material didático, aplicado na Graduação. Nessa disciplina o pós-graduando desenvolverá a capacidade de aprender a ensinar, para isso será discutido a importância da endodontia pré-clínica na formação do egresso do curso de Odontologia estabelecido no projeto pedagógico. Nessa fase o aluno colocará em prática os conceitos de plano de disciplina, curricular e de unidade de aulas adquiridos na Disciplina de Didática aplicada à Odontologia, com o objetivo de desenvolver a capacidade do pós-graduando em aprender/ensinar. 

Didática Aplicada à Odontologia
Para proporcionar aos alunos a oportunidade de refletir sobre a atividade docente na universidade, elaborando um quadro de referência para a compreensão e sistematização da prática do ensino. Fundamentos teóricos do processo de ensino-aprendizagem na universidade; Planejamento de ensino: conceito e tipos de plano (curricular, de disciplina, de unidade e de aula), fundamentos lógicos do plano de ensino; Componentes Básicos; Os objetivos de ensino, dos domínios cognitivo, afetivo e motor, classificação e critério de operacionalização; O conteúdo programático: critérios de seleção e organização sequencial; A integração dos conteúdos; Os métodos de ensino: individualizados e socializados (pequenos e grandes grupos), mais comuns na universidade; A avaliação do desempenho acadêmico: conceito, formas e instrumentos de avaliação de aprendizagem.

Informática Aplicada à Odontologia
Pesquisar, desenvolver e difundir o uso de sistemas interativos e de diversas abordagens na representação e na estruturação do conhecimento aplicadas ao processo educacional. O objetivo é que o computador seja compreendido como uma nova tecnologia educacional e, por isso, a ênfase do nosso trabalho é explorar os aspectos comunicativos e interativos do computador. Partindo desses pressupostos, procuramos desenvolver o ensino de forma a cobrir paralelamente os aspectos teórico-conceituais e práticos da informática educativa. Assim pode-se desenvolver e testar metodologias e instrumentos para a construção de programas educacionais interativos, integrando as tecnologias da informática ao conhecimento do processo educativo e desenvolver materiais educativos informatizados e ambientes integrados para o ensino. 
 
Metodologia da Pesquisa Científica
Instrumentos metodológicos básicos, técnicas e conceitos para as tarefas que impliquem investigação de caráter científico. Os pós-graduandos aprenderão a utilizar o instrumental metodológico básico para a pesquisa, levando-os a conhecer e a empregar a normalização da documentação científica.

Estatística Aplicada à Odontologia
Conhecimentos básicos; Planejamento prévio da pesquisa; Variáveis e fatores da variação; Significância estatística; Organização dos dados - montagem de tabelas; Distribuição normal e não normal; Escolha correta do teste estatístico; Testes de anormalidade e homogeneidade; Dados vinculados e independentes; Testes estatísticos paramétricos; Testes estatísticos não paramétricos; Testes de correlação; Interpretação dos resultados dos testes; Utilização do programa GMC para estatística. Dar condições aos pesquisadores de realizar análise estatística de seus próprios trabalhos, bem como interpretar e criticar resultados obtidos por outros pesquisadores.

Fitoterapia Aplicada à Odontologia
Plantas medicinais; Produção de metabólitos secundários; Produção de compostos bioativos em cultura de tecidos; Obtenção de fitofármacos; Controle de qualidade de fitofármacos; Atividades farmacológicas das plantas medicinais; Correlação estrutura-atividade; toxicidade. Nessa disciplina os alunos poderão desenvolver a capacidade de aprender a pesquisar, utilizando metodologias que podem ser aplicadas para o desenvolvimento científico da endodontia. Essa disciplina dará subsídio para o fortalecimento da linha de pesquisa de fitoterapia relacionada à endodontia.

Psicologia Aplicada à Odontologia
Criar condições para o aluno refletir sobre o processo de ensino-aprendizagem, fundamentado em princípios de diferentes teorias de aprendizagem para o uso de tecnologias de ensino. Nessa fase o pós-graduando irá fortalecer os conceitos envolvidos com o aprender ensinar.
 
Análise Crítica dos Aspectos Anatô
micos de Interesse Endodô
ntico
Atualizar os pós-graduandos quanto as variações da anatomia interna dos dentes humanos, bem como, ensiná-los a atualizar métodos de pesquisa tanto laboratoriais quanto clínicos. Anatomia interna de cada série de dentes humanos, levando em consideração as origens raciais dos pacientes; Estudo da anatomia radiográfica procurando as diferenças existentes entre os povos de origem caucasiana e mongólica; Método de descalcificação: preparo das soluções ácidas utilizadas nos processos de descalcificação - ácido nítrico, ácido clorídrico, ácido fórmico/citrato de sódio. Nessa disciplina o pós-graduando irá desenvolver atividades de pesquisas de interesse para endodontia, desenvolvendo sua capacidade em pesquisa.

Avaliação Físico-Químicas das Soluções Irrigantes
Visão crítica das soluções auxiliares da instrumentação de canais radiculares, com ênfase no estudo das propriedades físico-químicas dessas soluções (pH, tensão superficial, capacidade de umectação, viscosidade, condutividade) e, ainda, a ação dessas soluções sobre a capacidade de limpeza e desinfecção dos canais radiculares utilizando o preparo-químico mecânico com instrumentação manual e sistema mecanizado com limas de Ni-Ti.
 
Avaliação das Propriedades Físico-Químicas do Cimento Obturador de Canais Radiculares
Realização dos testes de avaliação das propriedades físicas dos materiais obturadores dos canais radiculares. Desenvolvendo o raciocínio científico e de investigação nos alunos, dentro dos propósitos do curso de pós-graduação e dentro dos padrões aceito internacionalmente. O pós-graduando terá que desenvolver um projeto utilizando as metodologias estudadas, bem como executá-lo e apresentar em forma de artigo para publicação em uma Revista para a conclusão da disciplina. Dessa maneira essa disciplina contribui para desenvolver a capacidade do aluno de aprender a pesquisar.
 
Patologia Aplicada à Endodontia
Adaptação e lesão celular; fenô
menos evolutivos inflamatórios e reparativos do complexo articular dentoalveolar; respostas histopatológicas relacionadas às alterações do complexo polpa dentina; patologias reacionais inflamatórias endo-periodontais; desenvolvimento de processo cístico dos maxilares e interações evolutivas à neoplasias odontogênicas. O aluno terá oportunidade de realizar todas as etapas do processamento histológico em aulas laboratoriais.
 
Clínica (Endodontia)
Desenvolvimento das atividades clínicas em Endodontia de modo a aplicar na prática os conhecimentos adquiridos na fase pré-clínica, com adição dos conhecimentos de diagnóstico visando estabelecer o tratamento e realizando a preservação. Nessa etapa, o aluno poderá confeccionar material didático para aplicação na programação Integração Graduação/Pós-Graduação. Capacidade de aprender a ensinar, para isso será discutido a importância de estabelecer as necessidades para endodontia clínica para formação do egresso do curso de odontologia estabelecido no projeto pedagógico. Nessa fase o aluno colocará em prática os conceitos de plano de disciplina, curricular e de unidade de aulas reforçando de a capacidade de aprender ensinar.
 
Microbiologia Aplicada à Odontologia
Estrutura bacteriana; Fisiologia bacteriana; Antibióticos e quimioterapia; Formação do biofilme bacteriano; Bactérias envolvidas nas infecções periapicais; Cultivo de microrganismos do canal radicular. Para contribuir na formação do pós-graduando em pesquisa ele desenvolverá metodologias na área de microbiologia com interesse para endodontia em aulas práticas bem como a discussão crítica. 


DOUTORADO

Clínica em Endodontia

O aprimoramento dos instrumentos e das técnicas endod
ônticas trouxe a necessidade de atualização dos pós-graduandos. Assim, a disciplina aborda os princípios e conhecimentos básicos para a compreensão dos fen
ômenos e da aplicação de novas técnicas e métodos de instrumentação dos canais radiculares, considerados não convencionais. Busca ainda a integração multidisciplinar e interdisciplinar, procurando estabelecer as interfaces entre a Endodontia e demais especialidades da Odontologia, como Periodontia, Prótese e Odontopediatria. 
 
Recursos Avançados Didático/Pedagógicos
Apresentação e discussão das tarefas e habilidades educacionais e profissionais do docente, tendo como referência o contexto educacional do país, as IES e seus componentes. Aprimoramento da competência pedagógica por meio de estratégias educacionais participativas, visando desenvolver um senso de docência crítica. Desenvolvimento de técnicas didáticas para o ensino a distância (plataforma Blackboard), necessidade imposta pela atualidade. Discussão dos modelos atuais do processo de avaliação discente, docente e institucional.
 
Bioestatística e Fundamentos da Epidemiologia
A pesquisa, objeto de treinamento do doutorando, tem como elemento essencial de projeto a análise dos dados experimentais coletados. Impõe-se assim, a necessidade de utilizar os mais variados testes estatísticos (paramétricos e não paramétricos), saber interpretá-los e entender como as deduções alcançadas podem contribuir para o desenvolvimento da pesquisa. Utilização de recursos computacionais (GMC, EPI-INFO, MINITAB E SPSS). Abordagem do desenho de estudos em epidemiologia observacional e experimental: definição de estudos, características, cálculo amostral, análise dos dados, vantagens e desvantagens. Medidas e indicadores da pesquisa epidemiológica.
 
Bioética
Conhecer as áreas de atuação da bioética, as normas e os cuidados relativos à pesquisa em seres humanos. Fomentar a reflexão bioética. Conhecer os aspectos éticos e legais do exercício profissional e dos trabalhos de pesquisa. Ter conhecimentos sobre a confecção e validade da documentação odontológica.
 
Metodologia Aplicada à Pesquisa Científica
Fundamenta-se na necessidade de domínio do método científico, por meio da elaboração de projetos de pesquisa, planejamento e desenvolvimento de protocolos, acompanhamento da sistematização da metodologia científica e análise dos dados coletados. Busca ainda orientar o pós-graduando a respeito das políticas de fomentos à pesquisa em ciência e tecnologia no Brasil e da importância da definição de "linhas de pesquisa", sedimentando o seu aprendizado em torno da construção do conhecimento científico, premissa básica para a formação de um docente doutor com forte base científica.
 
Estudos Avançados em Endodontia I - Modelos de Estudo Comparativos - In Vivo
Estudo e abordagem crítica sobre modelos experimentais em animais usados em Endodontia. Técnicas anestésicas, cuidados gerais no manejo, controle e manutenção de animais em biotérios e em pesquisas. Avaliação nos diversos níveis da pesquisa: camundongo, rato, cão, macaco e humano.
 
Estudos Avançados em Endodontia II - Fitoderivados em Endodontia Estudo e abordagem crítica da utilização de fitoderivados em Endodontia. O importante crescimento mundial da Fitoterapia tem estimulado a avaliação de diferentes extratos de plantas com propriedades terapêuticas. Pesquisas recentes têm demonstrado que os fitoderivados podem ser utilizados com sucesso na terapia endodô
ntica, em especial como medicação intracanal.
 
Laboratório de Pesquisa I - Biotecnologia
O emprego correto de plantas para fins terapêuticos requer o uso de espécimes selecionados por sua eficácia e segurança, cientificamente validadas como medicinais. Assim, uma vez reconhecido o potencial de utilização de fitoderivados na Endodontia, é necessário que o pós-graduando familiarize-se com as etapas de sua produção, para tanto serão abordados os seguintes tópicos: plantas medicinais, produção de metabólitos secundários, produção de compostos bioativos em cultura de tecido, obtenção de fitofármacos, controle da qualidade de fitofármacos, atividades farmacológicas das plantas medicinais, correlação estrutura-atividade, toxicidade.
 
Laboratório de Pesquisa II - Patologia
Avaliação biológica dos materiais endod
ônticos - testes de implantação subcutânea e óssea, testes de materiais de capeamento pulpar e pulpotomia. Compatibilidade biológica de materiais utilizados na Endodontia. Reação dos tecidos dentais à ação dos diferentes tipos de lasers.
 
Laboratório de Pesquisa III - Propriedades Físico-químicas dos Materiais Endodô
nticos
Treinamento e manuseio de equipamentos de laboratórios: máquina universal de ensaios, espectrofot
ômetro de absorção atô
mica, cromatógrafo HPLC e cromatógrafo de massa. Realização dos testes de avaliação das propriedades físico-químicas dos materiais de interesse para a Endodontia (escoamento, solubilidade e desintegração, espessura do filme, adesividade, infiltração marginal) e soluções irrigantes auxiliares da instrumentação (pH, tensão superficial, capacidade de umectação, viscosidade, condutividade). Desenvolvendo o raciocínio científico e de investigação, dentro dos propósitos do curso de pós-graduação e dos padrões aceitos internacionalmente.
 
Seminário de Avaliação e Pesquisa em Endodontia I PROCEDIMENTOS RESTAURADORES DE INTERESSE PARA A ENDODONTIA
Abordagem crítica de temas atuais e avançados envolvendo os conhecimentos relativos à indicação, contraindicação, planejamento e técnicas de reconstrução coronária de dentes submetidos ao tratamento endodô
ntico. Considerando estes aspectos, elaborar projetos dentro das linhas de pesquisa do programa.
 
Seminário de Avaliação e Pesquisa em Endodontia II
SEMIOLOGIA APLICADA À ENDODONTIA
Abordagem crítica de temas atuais e avançados envolvendo os conhecimentos básicos necessários à compreensão das alterações patológicas pulpares e periapicais, permitindo a realização de um perfeito diagnóstico e uma correta terapêutica. Tendo em vista ainda que a principal meta de um programa de pós-graduação é formar docentes e pesquisadores que atendam aos novos paradigmas da educação em Odontologia, comprometidos com a atividade multidisciplinar e interdisciplinar, é preciso enfatizar a importância do exame clínico completo do paciente, possibilitando assim a identificação das principais lesões que acometem a mucosa bucal, que muitas vezes estão relacionadas à própria atuação do endodontista. Considerando estes aspectos, elaborar projetos dentro das linhas de pesquisa do programa.
 
Seminário de Avaliação e Pesquisa em Endodontia III
PROCESSOS AVALIATIVOS DA MICROBIOLOGIA ENDODÔNTICA
Abordagem crítica de temas atuais e avançados envolvendo a resposta imune e suas relações com as doenças bucais. Conceitos atuais em microbiota da cavidade bucal e seu envolvimento com as doenças da polpa dental e da região periapical. Considerando estes aspectos, elaborar projetos dentro das linhas de pesquisa do programa.
 
Estágio Docente I Esta atividade visa aperfeiçoar o pós-graduando no exercício de atividade de docência plena, abrangendo preparo de plano de ensino, planejamento de aulas, preparo de material didático, orientação clínica e avaliação (provas e seminários) em disciplinas de graduação, sob a supervisão de um docente do programa.
 
Estágio Docente II
Esta atividade visa aperfeiçoar o pós-graduando no exercício da atividade decente, como abordado no Estágio Docente I, bem como prepará-lo para a orientação de Iniciação Científica, com preparação de trabalho para apresentação em eventos científicos e publicação, sempre sob a supervisão de um docente do programa.

Linhas de Pesquisa



  • Propriedades físico-químicas dos cimentos obturadores dos canais radiculares
  • Técnicas e instrumentos utilizados na Odontologia e sua interação com a Endodontia
  • Patologia Aplicada à Endodontia
  • Preparo Biomecânico do Canal Radicular

Estrutura de Apoio



Laboratório de Pesquisa de Patologia

O Serviço de Patologia conta hoje com um excelente nível de equipamentos, permitindo um processamento histológico de alta qualidade. Assim, o aparelho Histotécnico Processador Automático de Tecidos permite uma correta e padronizada desidratação e processamento do tecido, para uma ideal inclusão em parafina pelo histoembeder, que é um inclusor automático. Temos dois micrótomos, um 820 comum e o modelo mais avançado, eletrônico, que é 2145 da Laica, 2 banhos histológicos, o Afiador de navalhas Tipo C, duas estufas, sendo uma para parafina e a outra para secagem de vidrarias, um refrigerador e um microondas. A coloração é feita na bateria montada de H. E. (Hematoxilina/Eosina ou nas colorações especiais, tais como Tr. masson, Tr. Gomori, P.A.S. e outras. Para a leitura das lâminas, temos um microscópio Nikon binocular, um microscópio triocular Optphote II com acoplamento para sistema de vídeo e sistema de fotografia (H III), um microscópio Triocular Eclipse E 600 com óptica infinita, que é acoplado a um sistema de vídeo e foto e um sistema de imagem computadorizada, para poder transmitir a imagem da lâmina no computador e um microcomputador com impressora e kit multimídia.

Laboratório Didático de Patologia

O Laboratório consta de 16 microscópios Nikon e um microscópio Labophot acoplado a um sistema de vídeo com três monitores de vídeo, aguardando outro sistema relativo a Microscopia ótica infinita, Eclipse E 600 e extensor de estudo.
 
Laboratório de Pesquisa em Biotecnologia
 
a- Laboratório de manipulação de meios de cultura - Área: 50m²

  • PHmetro - Analion PM608
  • Balança analítica - Marte A.200
  • Estufa - Ética
  • Geladeira - Consul 340-sl
  • Incubadora - De Leo
  • Capela para exaustão - 2m
  • Agitadores Fanem mod. 225, mod. K line 255 - Fanem
  • Agitador orbital Tecnal TE141
  • Forno microondas - Panasonic
  • Forno - continental 2001 turbo forno
  • Aparelhos ultra-som (2) Thornton T-l4
  • Condicionador de ar - Elgin Compact Silent Line 12,000 BTU

b- Sala de esterilização - Área: 20m²
  • Destilador de água - Quimis
  • Sistema decationizador - Permution
  • Estufa com circulação fechada de ar - LBC
  • Autoclave vertical 150 litros
  • Autoclave vertical (30 litros) FABRE

c - Laboratório de Fitoquímica - Área: 40m²
  • Liofolizador de bandeja - LH 1500 Fauvel
  • Freezer - Prosdócimo Classic Luxo
  • Banho-maria - Fisatom
  • Extrator Soxhlet - Ética
  • Evaporadores rotativos - Fisatom 802; Rotadest 2108
  • Centrífuga de mesa - Olidef 4000
  • Bomba à vácuo (2) - fabre-Primar 151; Tecnal
  • Liquidificador - Walita Beta
  • Secador - Arno TBA
  • Capela de exaustão - Quimis mod. 0216 Ex. 2
  • Espectrofotómetro - bausch S Lomb 21
  • manta de aquecimento (2) - Fisaton 102
  • Centrífuga refrigeradora - MLW K70D
  • Moinho - MS Química
  • Condicionador de ar - Springer 21.000 BTU

d - Laboratório de Análises - Área: 20m²
  • Cromatógrafo líquido de alta eficiência - Shimadzu
  • Microcomputador Techmedia e impressora HP
  • Densitô
metro ótico - Shimadzu CS9301PC
  • Microcomputador UIS e impressora HP
  • Condicionador de ar - Springer Export Line - 18.000 BTU

e - Laboratório de microbiologia - Área: 20m²
  • Microscópio Nikon c/ fluorescência e acoplamento fotográfico
  • Eletroforesis power supply EPS 600 - Vilber Lourmat
  • Centrífuga de bancada Fanem 215
  • Espectrofotômetro de ultravioleta Baush S Lomb,
  • Agitador de tubos Marconi-ma-162
  • Balança analítica Tecnal Scientech
  • Balança com base de madeira
  • Microscópio Olympus Tokyo
  • Lupas hiocular Olympus G10x (2)
  • Microscópio - Olympus G10x (2)
  • Microscópio - Olympus WF15X
  • Condicionador de ar - Springer Export Line - 18.000 BTU


Laboratório de Imagens


Laboratório de estudo na área de Odontologia, equipado com:
  • Aparelho de RX panorâmico
  • Aparelho Digora acoplado à Pentium 100 Mhz
  • Digital Palette Polaroid para confecção de material didático
  • Pentium 133Mhz com impressora lazer 6p


Laboratório Físico-Químico


Cromatógrafo gasoso: Varan Sar - 3400, injetores: split - spliless, detectores: Ionização de chama (FID), Especifico termi
nico (TSD), integrador: Variam 4400. Cromatrógrafo líquido de alta pressão, bomba: varian Spectr AA - 200, gerador de hidretos Variam VGA - 77. Espectrofot
metro UV-VIS: Varian Cary 1E. COBAS T-890 COULTER MIRA PLUS MILLIQ - Millipore, purificador de água. Centrífuga: Fanen - 215 Agitador Magnético Horizontal: PachaNe Te - 240 Banho: Dubnoff com agitação Tecnal. Ultrasom: Thornton t - 14 Cetec. Mixer: Phoenix AP - 56 PHmetro: Orion 420.


Laboratório de Pesquisa em Odontologia


Máquina Universal de ensaio Instron 4444; Balança analítica; Condicionador de ar Springer export Line - 18000 BTU; Motor elétrico com regulador de rotação; Sistema de canetas e micromotores a ar Ultrasom - OSADA; Paquímetro digital - DIGIMESS; Refrigerador 115 1 Consul; Estufa Bacteriológica ECB2 OdontoBras; Vidrarias e produtos químicos para aplicação em propriedades químicas dos materiais. Compressor a ar Dabi Atlante. Capela de exaustão Máquina Fotográfica digital - COOLPIX 995 (Nikon) Máquina fotográfica Dentalyes Computadores/impressora/scanner.


CELO - Centro de Estudos em Laser na odontologia


Consultório odontológico completo. Aparelho Laser de alta potência de Er:YAH e CO2 marca Opus2O. Aparelho de baixa potência Thera Laser.


Laboratório de apoio para o desenvolvimento de pesquisa


12 bancadas em fórmica, acoplado o sistema SW3 - Dabi Atlante, para caneta de alta rotação e micro motor. Clínica de odontologia de uso exclusivo para a pós-graduação contado com 16 conjuntos odontológicos completos. Sala de aula exclusiva para o uso da pós-graduação, com projetos de slides, projeto multimídia e tela de projeção.

Intercâmbios Institucionais



  • Laboratório de Pesquisa em Endodontia do Departamento de Odontologia Restauradora da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Laboratório CNPq SP 0837 - Existe um intercâmbio há 10 anos com esse laboratório que resultou em uma série de publicações nesse período.
  • Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Goiás com Prof. Dr. Carlos Estrela CNPq UFG 0003 - Esse intercâmbio possibilitou o credenciamento do Prof. Dr. Carlos Estrela para orientação de uma aluna de pós-graduação e publicação de artigos.
  • Faculdade Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo com o Prof. Dr. Luis Fernando Guimarães. CNPq - USP 0314.
  • Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ - Divisão Far-Manguinhos para desenvolvimento de fitoterápicos.
  • Universidade Federal do Amazonas - a Universidade de Ribeirão Preto dispõe do laboratório de patologia para estudo de biocompatibilidade de fitoterápicos com potencial para aplicação em endodontia.

Dissertações Mestrado



TURMA 4M

Autores Orientadores Títulos das Dissertações
André Augusto Franco Marques Prof. Dr. Antonio M. da Cruz Filho Avaliação ultraestrutural da remoção da smear layer e quantificação de íons cálcio quelados do canal radicular, após irrigação com diferentes soluções quelantes.
Emanuel Soares de Souza Prof. Dr. Paulo César Saquy Co-orientadora: Profa. Dra. Silvana Maria Paulino Avaliação comparativa in vitro da influência do cimento endod
ntico contendo eugenol na resistência à tração de pinos intra-radiculares cimentados com cimento de fosfato de zinco e cimento resinoso.
Jarbas Gonçalves Passarinho Neto Prof. Dr. Manoel D. de Sousa Neto Avaliação in vitro da capacidade de limpeza promovida pela instrumentação rotatória com limas de níquel-titânio, associada à irrigação energizada com ultra-som.
Juliana Vianna Pereira Profa. Dra. Yara T C Silva Sousa Avaliação in vitro da atividade antimicrobiana de constituintes e de medicação intracanal à base de Arctium lappa
Lucas da Fonseca Roberti Garcia Prof. Dr. Raphael Carlos Comelli Lia Análise morfológica e morfométrica da reação provocada pela pasta contendo hidróxido de cálcio e óleo de Ricinus communis, em tecido subcutâneo de ratos.
Marcelo Soares Bertocco Prof. Dr. Ant
nio Miranda da Cruz Filho Avaliação do transporte apical em canais curvos simulados utilizando-se diferentes instrumentos rotatórios de níquel-titânio
Marcos Pozzetti Meneghin Profa. Dra. Heid Sueli Leme dos Santos Análise morfológica e morfométrica da capacidade de limpeza dos canais radiculares submetidos ao preparo biomecânico com solução irrigante à base de Ricinus communis em comparação ao NaOCl a 1%.
Mariana Silvério Castilho Profa. Dra.Yara T. C. Silva-Sousa Avaliação da alteração de temperatura na câmara pulpar durante preparo cavitário com laser Er:YAG em dentes decíduos humanos
Michele Regina Nadalin Prof. Dr. Paulo César SaquyCo-orientador: Prof. Dr. Manoel Damião de Sousa Neto Análise histológica e morfométrica do terço apical de canais radiculares achatados após remoção de debris utilizando diferentes protocolos de irrigação final.
Neilor Mateus Antunes Braga Prof. Dr. Luiz Pascoal Vansan Avaliação in vitro da retenção de pinos metálicos fundidos e de fibra de vidro com diferentes comprimentos, por meio do teste de tração.
Renato Interliche Prof. Dr. Manoel Damião Sousa Neto Influência dos instrumentos Hero Apical na capacidade de limpeza emcanais com achatamento mésio-distal


TURMA 5M
Autores Orientadores Títulos das Dissertações
Cíntia Regina de Carvalho França Profa Dra Delsa Deise Macchetti Kanaan Avaliação histológica da resposta do tecido pulpar de ratos após pulpotomia parcial com os cimentos MTA ProRoot, MTA Angelus, Portland e pasta à base de hidróxido de cálcio
Edi Wagner Sasaki Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Análise ex vivo dos debris após o preparo dos canais radiculares achatados com instrumentos rotatórios em dentes com e sem vitalidade pulparOrientador: Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva
Fabricio Scaini Prof. Dr. Ant
nio Miranda da Cruz Filho Análise da variação da temperatura na superfície radicular externa durante a irradiação intracanal com laser de Er:YAG
Irdival Cristino Figueirêdo Júnior Profa. Dra. Heid Sueli Leme dos Santos Análise comparativa da limpeza promovida pela instrumentação rotatória, em dentes de estoque e recém extraídos
Lorenna Fonseca Braga de Oliveira Profa. Dra. Delsa Deise Macchetti Kanaan Avaliação da resposta do tecido ósseo de cobaias às pastas à base de hidróxido de cálcio utilizadas como medicação intracanal
Marco Aurélio Versiani Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Análise comparativa ex vivo dos efeitos do preparo de canais curvos com diferentes sistemas rotatórios, por meio de tomografia computadorizada helicoidal.
Maria Isabel Anastacio Faria Profa Dra Yara T. C. Silva Sousa Avaliação ultraestrutural da dentina radicular submetida à irradiação do laser Nd:YAG associada a diferentes substâncias químicas
M
nica Maria Denadae de Campos Pinto Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz Perez Avaliação da biocompatibilidade do cimento endod
ntico Epiphany em tecido subcutâneo de ratos
Rafael Brandão Ferreira Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação in vitro da limpeza de canais radiculares submetidos à irrigação final com diferentes soluções irrigantes energizadas pelo ultra-som
Vinicius Humberto Nunes Profa. Dra.Yara T. Corrêa Silva Sousa Análise comparativa da adesividade dos cimentos Epiphany e AH Plus à dentina radicular tratada com diferentes soluções
 


TURMA 6M  
Autores Coordenadores Títulos das Dissertações
Alessandro Rogério Giovani Profa. Dra. Silvana Maria Paulino Avaliação da resistência à fratura de raízes portadoras de pinos metálicos fundidos e de fibra-de-vidro com diferentes comprimentos, por meio do teste de compressão.
Alexandra Conca Alves Mozini Profa. Dra. Rosemeire C. L. R. Pietro Co- orientador: Prof. Dr. Luís Pascoal Vansan Influência do remanescente de obturação, após preparo para contenção intra-radicular, na infiltração cervical de Enterococcus faecalis
Charles Stefani Moreira de Alencar Prof. Dr. Antonio M. da Cruz Filho Avaliação do transporte apical em canais radiculares curvos preparados com diferentes técnicas de instrumentação, por meio de tomografia computadorizada
Fábio Henrique Pasqualin Prof. Dr. Luiz Pascoal Vansan Avaliação da resistência à fratura de raízes portadoras de pinos metálicos fundidos e de fibra-de-vidro cilíndricos e c
nicos.
Fernando Carneiro Ribeiro Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação da influência de diferentes materiais obturadores do sistema de canais radiculares na suscetibilidade à fratura da raiz, por meio do teste de compressão
Gisele Aihara Haragushiku Prof. Dr. Ricardo Gariba SilvaCo-Orientador: Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação do efeito de diferentes tratamentos da superfície dentinária sobre a resistência de união à dentina de cimentos endod
nticos.
João Gonçalves Junior Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Avaliação das alterações ultra-estruturais na dentina humana, na região do batente apical, submetida à irradiação com laser de CO2
José Estevan Ozorio Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz PerezCo-orientador: Prof. Dr. Luiz Fernando O. S. Carvalho Análise histológica da evolução reacional do tecido pulpar frente à ação das pastas à base de hidróxido de cálcio, extrato padronizado de própolis e da associação delas, utilizando suínos como modelo experimental
Larissa Lustosa Lima Dias Profa. Dra. Silvana Maria PaulinoCo-Orientador: Prof. Dr. Luiz Pascoal Vansan Avaliação da retenção de pinos intra-radiculares fixados com cimento resinoso e de fosfato de zinco, em dentes obturados com cimento à base de óxido de zinco e eugenol, em diferentes períodos entre a obturação e preparo protético/cimentação dos pinos
Priscila de Oliveira da Silva Pobbe Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva Avaliação da resistência à fratura coronária de dentes tratados endodonticamente submetidos ao clareamento dental com o uso do peróxido de hidrogênio 38% e fotoativação pelo sistema LED-LaserOrientador:
Sylvia Maria Bin Nomelini Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Avaliação ultra-estrutural da dentina radicular humana submetida àaplicação do laser de CO2, análise quali-quantitativa
Volmir João Fornari Prof. Dr. Manoel D. de Sousa Neto Influência do aumento do diâmetro cirúrgico sobre a limpeza do terço apical de canais radiculares curvos submetidos ao preparo biomecânico com instrumentos de Níquel-Titânio


TURMA 7M

 
Autores Coordenadores Títulos das Dissertações
Alcides Gomes de Oliveira Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva Avaliação ex-vivo da variação de temperatura na câmara pulpar de dentes submetidos ao clareamento dental externo
Andiara Ribeiro Roberto Profa. Dra. Silvana Maria Paulino Influência da aplicação de diferentes procedimentos restauradores sobre a resistência à fratura de dentes submetidos ao clareamento dental interno com peróxido de hidrogênio a 38% e fotoativação pelo sistema LED-laser
Fuad Jacob Abi Rached Junior Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação da adesividade à dentina do cimento obturador Epiphany preparado com solvente resinoso
Jorge Luis Gonçalves Prof. Dr. Antonio Miranda da Cruz Filho Estudo das propriedades físico-químicas de cimentos à base de agregado tri-óxido mineral
Moisés Franco Barbosa da Silva Profa. Dra. Silvana Maria Paulino Avaliação, in vitro, da resistência à tração de diferentes pinos de fibra de vidro utilizados em dois protocolos para reabilitação de raízes fragilizadas, com e sem reforço de resina composta
Odival Mathias Junior Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação da solubilidade do cimento obturador Epiphany preparado com solvente resinoso
Patrícia Mara Nossa Prof. Dr. Danyel E. da Cruz Perez Avaliação histológica da atividade antiinflamatória de extratos etanólicos de Serjania erecta e Zeyheria montana em tecido pulpar de ratos
Renata de Araújo Coelho Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva Influência de agentes clareadores e ativação por luz sobre a resistência à fratura de dentes humanos hígidos: estudo ex-vivo
Suellen Zaitter Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa (Brasil)Co-orientador: Prof. Dr. Omar El-Mowafy (Canadá) Avaliação da resistência à remoção de pinos de fibra de vidro fixados com cimentos resinosos auto-adesivos à dentina intra-radicular
Waleska Vergne Vilanova Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Influência de diferentes substâncias auxiliares do preparo biomecânico na adesividade dos cimentos AH Plus e Epiphany à dentina intraradicular
 

 

TURMA 8M



Autores Coordenadores Títulos das Dissertações
Adriana Corrêa de Lima Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz Perez Avaliação histopatológica e expressão imunoistoquímica de PTHrP e receptor de PTH/PTHrP tipo I em cistos radiculares, cistos dentígeros e tumores odontogênicos queratocísticos
Alison Luís Kirchhoff Prof. Dr. Ant
nio M. da Cruz Filho Avaliação da efetividade do vinagre de maçã e de seus constituintes na remoção da camada de smear e de íons cálcio após irrigação final do canal radicular
Caroline Zamin Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Influência do preparo cervical na suscetibilidade à fratura de raízes obturadas com diferentes materiais obturadores dos canais radiculares
Cesar Augusto Pereira Oliveira Prof. Dr. Silvio Rocha Corrêa da Silva Análise tomográfica do terço apical de canais curvos após preparo endod
ntico com diferentes sistemas automatizados
Felipe Barros Matoso Prof. Dr. Edson Alfredo Avaliação do efeito do agente clareador e da subsequ00fcente aplicação de fluoreto de sódio na microdureza da dentina intracoronária
Jorge Alexandre da Costa Profa. Dra. Yara T. Corrêa Silva Sousa Avaliação da adesividade de diferentes cimentos à base de metacrilato à dentina radicular
Lisandro Gonçalves Prof. Dr. Edson Alfredo Influência de diferentes substâncias auxiliares do preparo biomecânico na força de união do sistema obturador Epiphany SE preparado com solvente resinoso à dentina intra-radicular
Lívia Maria Rodrigues Profa. Dra. Melissa Andreia Marchesan Estudo da permeabilidade da dentina coronária de dentes anteriores superiores e pré-molares superiores submetidos ao clareamento interno com peróxido de hidrogênio 38%
Marcelo Fagundes Munhoz Prof. Dr. Sílvio Rocha Corrêa da Silva Análise quali-quantitativa, por meio de rugosímetro 3D e MEV, com auxílio do microscópio operatório na adaptação de diferentes cimentos retrobturadores
Raqueli Viapiana Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Efeito da irradiação do laser diodo 980 nm na microdureza da dentina radicular tratada previamente com diferentes soluções irrigantes
 

 

TURMA 9M

 

Autores Coordenadores Títulos das Dissertações
André Pagliosa Prof. Dr. Edson Alfredo Avaliação do transporte de canais curvos após preparo biomecânico com os sistemas rotatórios de níquel-titânio Hero 642, Liberator, ProTaper e Twisted File, por meio de tomografia computadorizada
Gabriela Alexandra Marin Bauza Prof. Dr. Carlos E. Saraiva Miranda Avaliação das propriedades físico-químicas de cimentos endod
nticos de diferentes composições químicas
Maurícia Ferreira de Almeida e Borges Profa. Dra. Melissa Adréia Marchesan Influência do alargamento apical na limpeza e extrusão em raízes com curvatura leve e moderada
Zigomar Hideo Fecchio Nasser Horiuchi Prof. Dr. Edson Alfredo Influência dos sistemas de obturação MicroSeal e Obtura II na força de união de diferentes materiais endod
nticos à dentina intrarradicular
 

 

TURMA 10 M

 

Autores Coordenadores Títulos das Dissertações
Maria Eleonora Wenzel Leme dos Santos Miguel de Almeida Profa. Dra. Danielle Cristine Furtado Messias Resistência de união do cimento resinoso à dentina intrarradicular em diferentes profundidades em função da fonte fotoativadora e do momento de exposição à luz
Rosângela Borgens Paniago Machado Profa. Dra. Yara T Corrêa Silva Sousa Influência da fotoativação na resistência adesiva à dentina de materiais resinosos utilizados no reforço de raízes fragilizadas
 

 

TURMA 11M

 

Autores Coordenadores Títulos e Dissertações
Simone Guardieiro Costa Profa. Dra. Aline Evangelista de Souza Gabriel Impacto de diferentes técnicas restauradoras diretas na resistência à fratura de pré-molares tratados endodonticamente

Teses Doutorado



TURMA 1D

Autores Coordenadores Títulos das Teses
Álvaro Henrique Borges Prof. Dr. Antonio M. da Cruz Filho Estudo das propriedades físico-químicas dos cimentos Portland e MTA
Ângela Delfina Bittencourt Garrido Profa. Dra. Yara T Corrêa Silva Sousa Avaliação de diferentes protocolos de aplicação de ultra-som para remoção de retentores intraradiculares fundidos fixados com cimento de fosfato de zinco
Braulio Pasternak Júnior Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva Preparo dos canais radiculares utilizando o sistema rotatório: sua aplicação no ensino, seus efeitos sobre a biomecânica muscular do endodontista, e sobre a ocorrência de desvios
Claudia Kallás Gonçalves Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz Perez Análise da expressão imunoistoquímica da proteína p63, receptor do fator de crescimento epidérmico (EGFR) e Notch 1 em cistos radiculares, cistos dentígeros e tumores odontogênicos queratocísticos
Cleonice da Silveira Teixeira Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Efeito do tempo de fotoativação no reforço de raízes fragilizadas experimentalmente e restauradas com resina composta de pinos de fibra
Edson Alfredo Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Avaliação in vitro da aplicação do laser diodo 980 nm na dentina intra-radicular em diferentes parâmetros de potência e frequência
José Antonio Saadi Salomão Prof. Dr. Antonio Miranda da Cruz Filho Avaliação da eficiência de diferentes técnicas anestésicas utilizadas no tratamento endod
ntico de molar inferior com pulpite irreversível.
Marcos Pôrto de Arruda Prof. Dr. Luiz Pascoal Vansan Avaliação da influência da solução de hipoclorito de sódio, em diferentes concentrações, na microdureza da dentina radicular e na susceptibilidade à fratura da raiz
Melissa Andréia Marchesan Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Estudos da aplicação do laser de diodo 980 nm na dentina intra-radicular em relação às alterações ultra-estruturais e à permeabilidade
Michele Regina Nadalin Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz Perez Título: Estudo imunoistoquímico da expressão de u03b1-actina de músculo liso, metaloproteinase de matriz-2, syndecan-1, ki-67 e p53 em cistos radiculares, cistos dentígeros e tumores odontogênicos queratocísticos



TURMA 2D

Autores Coordenadores Títulos das Teses
Ivens Frischknecht Prof. Dr. Danyel Elias da Cruz Perez Perfil imunoistoquímico de citoqueratinas em cistos radiculares
Leandro Marques de Resende Prof. Dr. Manoel D. Sousa Neto Avaliação das propriedades físico-químicas dos cimentos obturadores de canais radiculares à base de resina de metacrilato



TURMA 3D


Autores Coordenadores Títulos das Teses
Maria Isabel Anastacio Faria Profª Dra Yara T. Corrêa Silva Sousa Avaliação das alterações ultraestruturais promovidas pelo laser diodo 980 nm na dentina irrigada com diferentes soluções e seu efeito no selamento apical e resistência à fratura
Roberto Pinheiro Borges Prof. Dr. Jesus Djalma Pécora Avaliação da solubilidade de cimentos obturadores dos canais radiculares à base de silicato de cálcio
Sérgio Murilo Barbalho de Sousa Carneiro Profa. Dra. Yara T Corrêa Silva Sousa Influência da técnica Hibrida de Tagger Modificada na adesão de diferentes materiais obturadores à dentina radicular



TURMA 4D


Autores Coordenadores Títulos das Teses
Francisca Tereza Coelho Matos Prof. Dr. Jorge Esquiche León Caracterização imunofenotípica e distribuição de células dendríticas em lesões císticas odontogênicas
Renata de Araújo Coelho Prof. Dr. Ricardo Gariba Silva Obturação dos canais radiculares: análise do volume da guta percha por u03bcCT, da resistência de união do material obturador por push out e da interface adesiva por MEV
Fuad Jacob Abi Rached Junior Profa. Dra. Yara T. C. Silva Sousa Influência do protocolo de desobturação no retratamento endod
ntico e o impacto do remanescente de cimento à base de óxido de zinco e eugenol na adesividade do cimento resinoso

Inscreva-se